Histórias de Sustentabilidade Imperfeita: parte 1
Novidades

12 Novembro 2021

Histórias de Sustentabilidade Imperfeita: parte 1

Histórias de Sustentabilidade Imperfeita: parte 1

Já começamos a partilhar as vossas histórias de sustentabilidade (imperfeita) nas nossas redes sociais. Aqui fica um apanhado das histórias da primeira semana.

 

Inês Freitas

"Penso que a primeira troca sustentável que fiz foi começar a usar escovas de dentes de bambu. Depois, interessei-me por copos menstruais. Já uso o meu há mais de um ano e nunca mais usei tampões.

A seguir veio o shampoo sólido. Comecei a seguir marcas de produtos sustentáveis no Instagram, incluindo a Shaeco. Agora, tenho um shampoo, um amaciador, um sabonete para o corpo, uma barra hidratante e uma barra de limpeza facial que adoro.

Pode parecer pouco, mas quando chegar aos 70 anos já vou ter poupado mais de 100 escovas de dentes, mais de 10000 tampões e mais de 1000 embalagens de produtos para o cabelo e para a pele! Então, se calhar, não é assim tão pouco.”

 

Cátia Fernandes

“Comecei em 2019. Primeiro deixei os sacos de plástico e passei aos reutilizáveis. Mas sabia a pouco, comecei a seguir páginas de sustentabilidade e alternativas mais ecológicas. Entretanto apareceu a Shaeco, e lá veio o champô sólido, e depois com todas as novas alternativas que têm vindo a apresentar veio o condicionador, a barra hidratante (o meu produto favorito de todos)!

Entretanto também mudei os hábitos de higiene oral com a adoção de escovas de dentes de bambu, mudei para desodorizante mais ecológico, comecei a fazer alguns dias por semana sem ingestão de carne ou peixe! Ainda tenho muito para fazer, mas gosto de pensar que estou no sentido certo!”


Diana Campinho

“Há cerca de ano comecei a consciencializar-me de que muitos hábitos que possuía não eram os mais sustentáveis, nem que me estavam a favorecer de modo geral. Um dos hábitos que alterei completamente foi a compra de livros. Os livros têm um papel muito importante na minha vida e, por isso, estou sempre à pesquisa de novas histórias para ler. No entanto, comecei a achar que, para além do enorme gasto de papel, estava a gastar imenso dinheiro em novas histórias todos os meses e decidi abrandar. Porém, não poderia deixar de ler e, nesse momento, surgiram duas opções: ler ebooks ou livros em 2ª mão. Optei pela última opção e, desde aí, todos os livros que compro são sempre em segunda mão. Para além de dar uma nova vida a livros que estão na casa de outras pessoas apenas a ganhar pó, consigo comprar livros em excelente estado por metade do preço de livraria!”

 

Andreia Dinis

“Comecei a ver conteúdos relacionados com o tema principalmente no YouTube, vi também alguns documentários e comecei a interessar-me muito por compras em segunda mão e comida vegetariana e vegan.

Alguns dos hábitos que pratico no meu dia a dia são: levar sempre comigo a minha garrafa de água reutilizável, uma tote bag para evitar a compra de sacos plásticos, fazer compras de roupa em lojas em segunda mão sempre que consigo, requisitar maioritariamente livros na biblioteca ao invés de comprar, e quando compro tento sempre procurar em segunda mão primeiro. Cá em casa, apesar de não cozinhar muitas vezes, quando cozinho com a minha irmã tentamos sempre fazer pratos e sobremesas vegetarianas e até a minha mãe já o faz de vez em quando!”

 

Sara Figueiredo

“Acho que posso relacionar o início da minha sustentabilidade ainda sem consciência ambiental, quando na minha adolescência comprava aqueles novelos que sobravam das coleções na retrosaria. Eram novelos que pela sua quantidade reduzida não eram vendidos... Eu comprava-os porque achava que eles iam "morrer" ali sozinhos. Juntava outros novelos também de fim de coleção ou restos dos trabalhos da minha mãe para fazer peças para mim. Sem grande consciência já estava a fazer Upcycling. Há 7 anos comecei a organizar limpezas de praia e a partir daí toda a minha vida mudou e até mesmo o que faço profissionalmente.”

 

Inês Fernandes

“Estava habituada a utilizar os produtos que os meus pais compravam para mim em grandes superfícies. Quando comecei a ganhar o meu ordenado e a fazer as minhas escolhas comecei a optar por produtos mais sustentáveis e amigos do ambiente. Shampoo e sabonete sólido. Escova de dentes de bambu. Pasta de dentes vegan e sem plástico.

Mudei também os meus hábitos alimentares para reduzir drasticamente o consumo de produtos animais, não compro garrafas de água, utilizo sempre uma reutilizável que filtra a água da torneira. E as mudanças continuam, pouco a pouco vou conseguindo mudar os meus hábitos e incentivar a família a fazer o mesmo!”

Continua a ler as histórias da segunda e da terceira semana!

Deixa o teu comentário sobre este artigo

Formulário foi submetido com sucesso.
Campo obrigatório
Email inválido
Campo com limite máximo de caracteres
Este campo não coincide com o anterior
Campo com limite mínimo de caracteres
Ocorreu um erro ao submeter o formulário. Por favor, corrige e volta a submeter.

* Campos obrigatórios

Acabou de adicionar

Ver carrinho
{{lastProduct.title}}

Subtotal: {{total_price.value}}

Loading

Por favor, seleciona um tamanho
Por favor, seleciona uma cor
Por favor, seleciona o material
Adicionado ao carrinho
{{product.featured_image.alt}}

{{product.list_title}}

desde:

{{product.previous_price.value}}

{{product.price_min.value}}{{product.price.value}}